20º Festival de Jazz de Loulé - 2014

 

topo

  20º FESTIVAL DE JAZZ LOULÉ

1, 2 e 3 de AGOSTO

CASTELO DE LOULÉ

 Sexta 01 Agosto

Genoveva Faísca

Genoveva Faísca apresenta-se em diálogo com João Bengala, com quem tem colaborado em vários projectos há cerca de 14 anos, aqui partindo de um repertório jazzístico, mas sempre com a linguagem que lhes é característica onde não falta a ironia e muita liberdade interpretativa. 

 João Bengala ----------------- Guitarra

Genoveva Faísca ------------------ Voz

 

Quarteto Eduardo Cardinho & João Barradas

 Eduardo Cardinho

 João Barradas é um dos jovens acordeonistas mais reconhecidos da Europa.

Desdobrando-se entre o erudito e a música improvisada e com dois títulos de "Campeão do Mundo" em 2007 e 2010 é o vencedor das mais prestigiadas competições internacionais, tais como: Coupe Mondiale de Acordeão (CIA), Troféu Mundial de Acordeão (CMA), Concurso Internacional Citta Di Castelfidardo (Itália), Okud Istra International Competition (Croácia) entre outras. João Barradas conta com mais de trinta 1ºs Prémios em competições nacionais e internacionais.

Apontado em 2013 por Cory Pesaturo (George Garzone / Wynton Marsalis), acordeonista incontornável do Jazz Americano, como "O jovem acordeonista a seguir nos próximos anos". 

Eduardo Cardinho nasceu em Marrazes/Leiria e deu os primeiros passos na música aos 6 anos de idade na filarmónica de S. Tiago de Marrazes, tendo aulas de bateria com o professor João Maneta.

Mais tarde, em 2004 ingressou no conservatório de música do orfeão de Leiria para ter aulas com o professor Manuel Campos onde conclui o 5º grau, tendo vencido vários prémios neste conservatório como dois primeiros lugares e um terceiro lugar no concurso Jovens Músicos de Leiria.

Em 2008 entrou na Escola Profissional de Música de Espinho onde foi aluno dos professores Nuno Aroso, Rui Rodrigues, Joaquim Alves, Pedro Oliveira.

No ano após ter entrado em Espinho ganha o 2º prémio na categoria B de vibrafone no concurso internacional de percussão em Itália.

João Barradas e Eduardo Cardinho foram os laureados do Prémio Jovens Músicos 2013.

 Em 2014, venceu o prémio de melhor instrumentista de jazz a nível superior do festival de jazz do São Luís.

 João Barradas --------------- Acordeão

Eduardo Cardinho --------- Vibrafone

Nelson Cascais ----------- Contrabaixo

Bruno Pedroso ------------------ Bateria

 

 DJ Yacobian

"Yacobian, apresenta uma sessão de jazz que se faz e se ouve nos distintos lugares do planeta. Irá fazer-nos viajar musicalmente desde a Etiópia, Turquia, Israel, Líbano, África do Sul, EEUU, Espanha, até Portugal, Tunísia, Marrocos, Gana, assim como, outros lugares onde esta música com alma se sente."

 Manolo Perez

 

 Sábado 2 Agosto

Low Tech Groove

 Originários do Algarve e influenciados pelas mais diversas sonoridades os  "Low Tech Groove" são um trio composto por piano, contrabaixo e bateria, que criaram um reportório original e diversificado.

Através da colaboração com outros músicos refrescam e reinventam as suas composições, para esta jornada convidaram o trompetista Leon Baldesberger, um amigo de longa data.

Com referências marcadas de Funk, Blues, Rock, Bossa Nova & Jazz em 2013 iniciaram esta viagem musical e não sabem quando voltam. Deixam aqui algumas notas do itinerário.

 Leon Baldesberger ----------------- Trompete

João Araújo --------------------------- Teclados

Paulo Silva ------------------------ Contrabaixo

Paulo Franco ---------------------------- Bateria


 Cícero Lee "Ventos"

 Cicero Lee

Lançado em 2013 pela Sintoma Records, o álbum “Ventos” é o primeiro registo em nome próprio do baixista Cícero Lee, que reflete neste trabalho o seu percurso musical, percorrido maioritariamente na área do Jazz e da World Music. Ao vivo, “Ventos”, tem-se apresentado em Portugal e noutros países europeus em quarteto, com músicos notáveis, em que se incluem nomes como João Frade, Tiago Oliveira, José Salgueiro, Louis Portal, Desidério Lázaro, Elisa Rodrigues e Carlos Garcia. 

 Cícero Lee ----------- Baixo eléctrico

Tiago Oliveira --------------- Guitarra

José Salgueiro ---------------- Bateria

João Frade ------------------ Acordeão


 DJ Yacobian

"Yacobian, apresenta uma sessão de jazz que se faz e se ouve nos distintos lugares do planeta. Irá fazer-nos viajar musicalmente desde a Etiópia, Turquia, Israel, Líbano, África do Sul, EEUU, Espanha, até Portugal, Tunísia, Marrocos, Gana, assim como, outros lugares onde esta música com alma se sente."

 Manolo Perez


Domingo 3 Agosto

Sónia “Little B” Cabrita

Uma mulher sentada atrás de tambores e pratos é situação pouco ouvista em jazz.

Sónia Cabrita melhor Sónia “Little B” Cabrita certamente pelo apreço que tem por este tema jazz é um dos bateristas jazz portugueses! sem ofensa para Bobby com justiça para Sónia chamei a este arrumar de palavras: “Big B” Sónia há anos que anda a estudar bateria jazz instrumento muito difícil de dominar (a cada membro sua posição e acção independente!) tenho testemunhado e os progressos são notórios ou áveis David Murray foi um de seus Mestres mas Sónia não só percute também compõe e assim mostra:

(Texto de José Duarte) 

 Sónia " Little B" Cabrita -------- Bateria

Olympia Jensen --------------- Sax tenor

Charly Roussel ------------- Contrabaixo

Giotto Roussies -------- Fender Rhodes

 

Liftoff 

Jeffrey Davies

Projecto criado em Aveiro, em Maio de 2002, destinado à interpretação da música de Óscar Marcelino da Graça e de Jeffery Davis. A formação instrumental tem sido, partindo desta base, recorrentemente flexível.

Neste concerto, o projecto será pensado por Jeffery Davis (vibrafone), Óscar Marcelino da Graça (piano), Nelson Cascais (contrabaixo) e Alexandre Frazão (bateria). Em Agosto de 2003 o projecto gravou o seu primeiro disco que não chegou a ver a luz do dia. liftoff tem actualmente material musical para a gravação do segundo disco, o que deverá acontecer durante 2014.

A música de liftoff tem uma forte influência erudita, principalmente na intenção de obter em todos os pormenores musicais, criativos, o equilíbrio secular patente naquela, assim como na procura da elevação do papel do compositor, evoluindo as formas de representação artísticas e evitando a mera aceitação das do passado.

 Jeffery Davis ------------------- Vibrafone

Oscar Graça ------------------------ Piano

Nelson Cascais ------------ Contrabaixo

Alexandre Frazão ---------------- Bateria

 apoios e patrocinadores

 Para mais informações ligue 289415860

CONCERTO DE APRESENTAÇÃO DO 20º FESTIVAL DE JAZZ DE LOULÉ

 

CARTAZ

 

 A apresentação do 20º Festival Internacional de Jazz de Loulé, irá acontecer já na Sexta-feira dia 25 de Julho pelas 23H no Poeta Café em Loulé.

Na apresentação do Festival irão actuar os Funkarmonica, que são um colectivo formado por músicos algarvios, os quais num contexto de rua irão interpretar grandes clássicos do Jazz, Blues e Música Latina misturados com muito humor e diversão, através do som acústico dos seus instrumentos. 

Iremos também inaugurar a pré venda de Bilhetes para o Festival, os quais terão um preço reduzido se forem comprados com antecedência (5€ por dia ou 10€ pelos 3 dias).

A Casa da Cultura estabeleceu uma colaboração estratégica com o “Poeta Café”, para o 20º Festival de Jazz de Loulé, que irá decorrer no Castelo de Loulé ao longo dos dias dia 1, 2 e 3 de Agosto. O Poeta Café além de estar presente no recinto do Festival, irá também acolher o concerto de apresentação com os Funkarmonica e as After Partys nos dias 1 e 2 de Agosto com o DJ Yacobian.

Workshop - Bija Mantras

 

Domingo, 27 de Julhoàs

10:30H - 12:30H

Parque Municipal de Loulé

 

logo

 

Neste workshop vamos transmitir a importância dos Bija Mantras, onde se situam, o que são. 

Vamos pratica-los de forma a termos bases para o nosso dia-a-dia.

O que são os Bija Mantras?

- São sons Sagrados, que correspondem a cada ponto energético do nosso corpo, chamados Chakras.

O que são os Chakras?

- Os Chakras são pontos energéticos localizados, pelo nosso corpo, sendo sete os mais conhecidos, 1º Chakra - Raiz, 2º Chakra - do sacro, 3º Chakra - Plexo Solar, 4º Chakras - Coração, 5º Chakra Garganta, 6º Chakras - Terceiro Olho, 7º Chakra - Croa.

inscrições pelo email: jivanayogameditacao@gmail.com/ contacto 91-6289754 e na Casa da  Cultura de Loulé

ALL NIGHT CLUBBING e CLOUDLEAF

 

ALL NIGHT CLUBBING

05 JULHO - 22:30H

CASA DA CULTURA DE LOULÉ

 cartaz

A Casa Da Cultura De Loulé e a Field Rhyme apresentam ALL NIGHT CLUBBING + CLOUDLEAF,  numa noite de verão repleta de música em pleno Parque Municipal de Loulé.

O objetivo é juntar conceitos, fazendo da música o fio condutor, misturar culturas, trazer sentido ao desconexo. Dar organismo à pista de dança e despreocupar-vos do brilho das luzes que asfixiam a essência musical.

Os Cloudleaf vão abrir as hostes, criando um espaço para o Rock 'póstumo' e melódico, para a viagem que nos proporcionam. Viagem essa que prosseguirá depois pela noite dentro com a encenação em plena cidade louletana dos ritmos hipnóticos do clubbing urbano a cargo de Holden e Marsipan. 

Talentos emergentes da nossa cidade e região vêm quebrar as barreiras instaladas nos preconceitos da noite algarvia.

Peça de teatro "O Amante" em Silves

 

Aquela que é a mais recente produção teatral do Teatro Análise da Casa da Cultura de Loulé "O Amante", após ter estado em cena na cidade de Loulé, irá agora ser apresentada em Silves. O T.A.L. tem o objectivo apresentar  as suas peças pelos vários concelhos algarvios, procurando estabelecer diferentes parcerias com os municípios, teatros e companhias de teatro da região.

O espectáculo da peça "O Amante" em Silves, irá acontecer no Sábado  21 Junho, pelas 21:30H no teatro Mascarenhas Gregório.

 flyer

 Sinopse:

" O Amante". Como em quase todos os textos do Nobel britânico Harold Pinter, o início da peça “O Amante” transporta o espectador para uma situação pretensamente prosaica. Pela manhã, numa elegante casa dos subúrbios, um casal despede-se. Sorridente, a mulher deseja ao marido um bom dia de trabalho. Antes, porém, diz-lhe que passará a tarde com o seu amante. O tom é cortês, amigável, corriqueiro. Como se estivessem a falar do tempo. Como se o drama de Pinter não fosse mais que uma comédia de costumes.
 

Ficha Técnica e Artística

Sarah - Mariana Teiga

Richard - Tápê

Leiteiro - Egas Simão

Produção TAL - Teatro Análise de Loulé Casa da Cultura de Loulé

Produtor - João Espada

Encenação - Manuela Gordo

Sonoplastia - Pedro Poças

Luminotécnica - Martim Santos

Cenografia - Ana Paula | Manuela Gordo |  

Figurinos - Ana Sousa

Composição Musical - Luís Galrito

Páginas

Subscribe to Casa da Cultura de Loulé RSS